Attack on Titan Wiki

FandomDesktop

Com a chegada do FandomDesktop ontem, muitos de vocês que optaram por começar agora a usar ela, podem perceber que a wiki tá meio estranha, e realmente está, estou trabalhando para resolver isso, por isso, peço paciência. Obrigado.

Leia mais sobre a FandomDesktop aqui.

E a wiki terá uma drástica mudança de aparência, por isso não estou tão ativo como eu era antes, obrigado novamente pelo seu tempo!

LEIA MAIS

Attack on Titan Wiki
Advertisement
Attack on Titan Wiki
  • Manga
  • Anime
  • Junior High/High School manga
  • Spoof on Titan manga
  • Chibi Theater anime
  • Junior High anime
Artigo
Galeria
Quote1 Já deu! Acham que é um piquenique?! Estamos fora das Muralhas! Quote2
— Gunther para seus companheiros de equipe[1]

Gunther Schultz (グンタ・シュルツ Gunta Shurutsu?) foi um dos soldados do Reconhecimento escolhido a dedo pelo Capitão Levi para se juntar ao Esquadrão de Operações Especiais.

Aparência[]

Gunther's appearance

Aparência de Gunther

Gunther era um homem de estatura média com um tom de pele ligeiramente mais escuro. Ele usava uma pequeno topete de cabelo castanho que estava preso em uma ponta na parte de trás de sua cabeça. Como a maioria dos soldados, seu traje consistia em uma jaqueta curta de couro marrom claro com o emblema do Reconhecimento em ambos os ombros, no bolso frontal esquerdo e no centro das costas, uma camisa de cor clara, uma faixa marrom escuro na cintura cobrindo os quadris, calças brancas e botas de couro marrom escuro até o joelho. Além disso, ele costumava ser visto usando uma capa verde que os soldados costumam usar para viajar com o símbolo do Reconhecimento nas costas.[2]

Personalidade[]

Ser um soldado do Reconhecimento que sobreviveu a vários encontros com Titãs afetou significativamente a personalidade de Gunther. Segundo Levi, Gunther foi escolhido para fazer parte do Esquadrão de Operações Especiais não só por essa força, mas também pelo fato de não confiar totalmente em Eren Jaeger. Mesmo que Gunther e outros fossem capazes de sobreviver por causa de sua habilidade de sempre esperar o pior em qualquer situação, eles não se transformaram em feras sem coração, pois não era fácil para eles apontar suas lâminas para Eren.[3]

Gunther's reaction

A reação de Gunther à transformação não autorizada de Eren

No Esquadrão de Operações Especiais, Gunther parecia ser o mais razoável. Após a transformação não intencional de Eren em um Titã, ele foi o único a pedir a Eren uma prova de que ele não é hostil. Em contraste, Oruo ameaçou matá-lo e Petra pensou em Eren como perigoso enquanto se preocupava com a vida de Levi.[3] No entanto, ele ficou irritado quando seus colegas e Eren zombavam um do outro de brincadeira por terem feito xixi nas calças, o que implica que ele também possuía um lado severo e não aceitava bem se um soldado não se concentrasse na tarefa .[1]

Enredo[]

Ilse's Notebook: Notes from a Scout Regiment Member[]

Gunther participa da 49ª expedição além das Muralhas. Quando Hange Zoë foge do esquadrão para perseguir um Titã por conta própria, Erwin envia o esquadrão de Levi para manter Hange segura. Eles perseguem o Titã até uma clareira onde ele é morto e, posteriormente, descobrem o cadáver sem cabeça de um soldado aparentemente guardado dentro de uma árvore.[4]

Arco da Batalha por Trost  []

Durante uma expedição ao território Titã, Gunther e Eld são os reforços reunidos por Petra para ajudar Levi e um soldado ferido.[5]

Arco da Véspera do Contra-Ataque  []

Eld and Gunther in front of the former HQ

Eld e Gunther na frente do antigo QG

Após a Batalha de Trost ocorreu um julgamento para decidir o destino de Eren, e termina com Eren se juntando ao Reconhecimento, o Esquadrão de Operações Especiais é escolhido para cuidar de Eren. Gunther, junto com o resto do esquadrão, acompanha Eren até o antigo QG do Reconhecimento, que agora servirá como um esconderijo para Eren. Após sua chegada, Gunther e Eld notam que o QG não foi mantido adequadamente devido ao não uso. Por conta disso, Levi ordena que todos comecem a limpar. Mais tarde naquele dia, o esquadrão discute a próxima expedição, com Gunther observando que está acontecendo muito repentinamente. Quando Hange chega e Eren pede a eles para explicar seus experimentos com Titãs, Gunther e o resto rapidamente saem da sala, já sabendo algo sobre os discursos de Hange.[2]

No dia seguinte, Gunther, junto com o resto dos soldados, chega à cena do crime após ser notificado sobre as mortes de Sawney e Beane. Depois de ouvir que o culpado desapareceu usando seu DMT, Gunther se pergunta se foi um plano preparado por duas ou mais pessoas.[2] Depois que a investigação é feita e o culpado não é encontrado, Eld e Gunther discutem a próxima cerimônia de posse, perguntando a Eren se algum de seus colegas de classe se juntará, mas Eren não consegue responder com certeza. Gunther está então presente na referida cerimônia, ouvindo o discurso de Erwin.[6]

Gunther faces Eren

Gunther enfrenta Eren

Levi encontra uma maneira de conter Eren em sua forma de Titã sem matá-lo, permitindo que Hange execute experimentos nele, que Gunther e o resto do esquadrão monitoram. Eren é incapaz de se transformar por algum motivo, mas depois desencadeia sua transformação ao tentar pegar uma colher de chá. Gunther e o resto de seus companheiros de esquadrão imediatamente se preparam para matar Eren, acreditando que ele os traiu, mas Levi os mantém afastados. Mais tarde, Hange revela a todos o segredo por trás da transformação de Eren. Percebendo seu erro, Gunther e outros mordem as mãos como forma de punição, mostrando que podem confiar um no outro.[1]

Arco da 57ª Expedição para fora das Muralhas  []

57th Expedition Beyond Walls

Gunther como parte da expedição

Um mês depois, Gunther faz parte da expedição que segue para o território dos Titãs.[6] Antes da expedição, Gunther explica o plano da expedição a Eren. Quando Eren questiona o significado de seu poder, Gunther pergunta a ele se Eren entendeu a pergunta de Erwin após os assassinatos de Sawney e Beane, revelando que cada um deles foi perguntado o mesmo. Gunther conclui que deve haver um objetivo oculto nesta expedição.[7]

Conforme o tempo passa, a notícia de um Titã misterioso matando os soldados chega ao Esquadrão Levi assim que Gunther e outros testemunham o sinal de fumaça negra, sabendo que um Titã anormal está perto de sua posição.[8] Eventualmente, eles entram na floresta. Eren questiona isso, mas então percebe que Gunther e outros também não sabem o que está acontecendo. Naquele momento, a misteriosa Titã Fêmea chega a sua localização.[8] Enquanto eles estão sendo perseguidos, em pânico, Gunther grita que eles não podem escapar para dentro da floresta. Ele e os outros soldados do esquadrão imploram por ordens a Levi, propondo-se a derrubar o Titã enquanto ele abate os reforços por trás. Levi, no entanto, apenas atira uma sinalizador sonoro para acalmá-los, lembrando-os de seu trabalho. Eren se descobre incapaz de cumprir as ordens enquanto observa mais soldados serem mortos. Suas intenções ficam claras quando ele está prestes a morder a mão. Levi diz a ele para escolher se ele acredita em si mesmo ou na equipe.[3]

Eren decide ir com o time. Gunther então percebe que a Titã Fêmea está acelerando e quando está prestes a alcançá-los, eles chegam à localização de Erwin e outros soldados que conseguem prender a Titã Fêmea, para surpresa de Gunther e do esquadrão. Eles então se gabam para Eren, alegando que é graças ao poder do Reconhecimento que eles conseguiram capturar seu inimigo.[1]

Gunther's death

A Morte de Gunther

Vendo um sinalizador que indica que o regimento está se retirando, o esquadrão começa a sair da floresta. No caminho para se reunir com Levi, Eld provoca Petra e Oruo por fazerem xixi nas calças na primeira expedição, mas Gunther os repreende por conversarem descuidadamente no meio do território Titã. Eles notam outro sinalizador e pensando que foi disparado por Levi, eles disparam o seu próprio. No entanto, Gunther percebe tarde demais que não é Levi para evitar que o soldado misterioso corte seu pescoço, matando-o instantaneamente.[1]

Legado[]

Arco do Governo Real[]

Ao falar com Historia Reiss sob a Capela Subterrânea, Eren menciona Gunther como uma das vítimas que ele e Grisha Jaeger são responsáveis por matar ao roubar o poder do Titã Fundador.[9]

Arco do Retorno a Shiganshina[]

Durante a Batalha do distrito de Shiganshina, enquanto Erwin Smith começa a lamentar as esperanças cada vez menores de seu sonho, Gunther está entre os muitos companheiros do Reconhecimento caídos na mente de Erwin, querendo saber se suas mortes tinham significado.[10]

Habilidades[]

Gunther using 3DMG

Gunther usando o DMT

Embora nunca tenha sido mostrado em combate direto, como um soldado de elite escolhido para o Esquadrão de Operações Especiais sob o comando de Levi, Gunther era considerado muito forte. Ele era um guerreiro habilidoso com uma alto abate de Titãs, tendo um recorde de 47, dos quais 40 foram obtidos em equipes e 7 em solo.[2] Ele demonstrou ser bastante proficiente no uso do DMT[1][1] e mostrou um certo grau de inteligência, podendo deduzir que Erwin não revelou o verdadeiro objetivo da expedição..[6]

Relacionamentos[]

  • Levi - Levi parecia ter pelo menos respeito profissional por Gunther, já que o escolheu a dedo para fazer parte do Esquadrão de Operações Especiais devido à sua habilidade de alto nível de matar Titãs. Gunther foi obediente e executou lealmente as ordens que Levi deu à sua equipe. Ao olhar para o cadáver de Gunther, Levi acabou se ferindo com a perda de um colega.
  • Eld Gin - Ao lado de Eld, Gunther mostrou que não faltava um lado humorístico, pois às vezes participava de conversas divertidas que Eld iniciava. Mesmo assim, Gunther confiava descaradamente em Eld, respeitando suas decisões e vice-versa. Pareciam ter uma amizade descontraída e relaxante e não paravam de se confidenciar até o final.
  • Oruo Bozad e Petra Rall - Gunther tinha uma amizade próxima com os dois, tendo trabalhado juntos por vários anos no Reconhecimento. Embora Gunther achasse o par irritante quando eles brigavam, ocasionalmente repreendendo-os cada vez que o faziam.
  • Eren Jaeger - Sendo a mais nova adição ao esquadrão na época, Gunther estava um pouco desconfiado de Eren depois de reconhecer que ele poderia se tornar um Titã. Eren admirava as pessoas do Esquadrão de Operações Especiais, incluindo Gunther. Ele e o time eventualmente se animaram com Eren e mostraram que ele deveria confiar neles.

Curiosidades[]

  • O nome de Gunther é um nome germânico derivado de Gunthere, Gunthari, composto por * gunþiz "batalha" (antigo nórdico gunnr) e heri, hari "exército". Seu sobrenome também é um nome de origem escandinava e judaica (Ashkenazic) tirado da palavra alemã Schulze.

Referências[]

Navegação[]

Advertisement