Attack on Titan Wiki

FandomDesktop

Com a chegada do FandomDesktop ontem, muitos de vocês que optaram por começar agora a usar ela, podem perceber que a wiki tá meio estranha, e realmente está, estou trabalhando para resolver isso, por isso, peço paciência. Obrigado.

Leia mais sobre a FandomDesktop aqui.

E a wiki terá uma drástica mudança de aparência, por isso não estou tão ativo como eu era antes, obrigado novamente pelo seu tempo!

LEIA MAIS

Attack on Titan Wiki
Advertisement
Attack on Titan Wiki
  • Manga
  • Anime
  • Junior High/High School manga
  • Spoof on Titan manga
  • Junior High anime
Artigo
Galeria
Quote1 Defenda-o! Mesmo que nos custe nossas vidas ... devemos deixar Eren chegar no portão! Quote2
— Ian para seus companheiros[1]

Ian Dietrich (イアン・ディートリッヒ Ian Dītorihhi?) era um líder de esquadrão (班長 Hanchō?) e membro da Guarnição estacionada no Distrito de Trost. Ele liderou a missão de recaptura de Trost.

Aparência[]

Ian era um homem alto, com uma construção bastante musculosa. Ele tinha olhos dourados e cabelos lisos e loiros escuros repartidos ao meio e colocados atrás das orelhas, alcançando a nuca. Ian tinha um rosto notavelmente magro com maçãs do rosto definidas. Ele só tinha sido visto vestindo o uniforme da Guarniçao, combinando com uma camisa bege por baixo.

Personalidade[]

Ian costumava ser rígido e breve, mas, quando em situações menos tensas, conversava com os soldados com quem trabalhava. Ele também tinha boa fé em seus aliados e era obediente a seus superiores. Ele normalmente traçava estratégias com seus colegas de uma maneira franca e foi notado por seu comandante, Dot Pyxis, ter um bom conhecimento sobre álcool. Isso, entretanto, não o impediu de gritar ordens para soldados em situações desesperadoras e de pensar com lógica. Mesmo quando confrontado com a negatividade de Rico e Mitabi, ele optou por continuar a operação para retomar o distrito de Trost da maneira que julgou ser melhor, em vez de recuar.

Enredo[]

Arco da Batalha por Trost[]

Ian primeiro aparece após o Distrito de Trost ser violado pelo Titã Colossal. Ele ordena que Mikasa Ackerman apoie a retaguarda, mas ela protesta que só vai atrasá-los. Ian retruca que não pediu a opinião dela e diz que ela deveria apenas obedecer.[2]

Durante a evacuação, sua equipe segue e tenta interceptar um Titã anormal enquanto ele tem como alvo os civis em evacuação. Mikasa é capaz de capturar o Titã e matá-lo antes que ele mate alguém, e Ian a elogia por seus esforços. Ele fica impressionado com o profissionalismo de Mikasa, enquanto ela se desculpa por danificar suas lâminas durante o ataque, embora ele esteja nervoso com sua absoluta calma diante de uma situação de vida ou morte. A equipe continua lutando contra os Titãs até receberem o sinal de evacuação. Ian ordena que sua equipe escale a muralha e forneça cobertura para a equipe avançada enquanto eles também se retiram, mas Mikasa desobedece suas ordens e sai, apesar de seus protestos.[3]

Ian tries to convince his comrades

Ian tenta convencer seus companheiros a proteger Eren

Depois que um Titã furioso é revelado ser um dos cadetes, Ian está entre os soldados da Guarnição que o cercam e seus aliados enquanto Kitz Woermann questiona o cadete sobre a natureza de sua transformação de Titã. Mikasa é um dos dois soldados que ficam do lado de Eren, e Ian atesta sua habilidade, explicando a Kitz que perdê-la seria uma grande perda para as forças humanas. Kitz ignora o conselho de Ian e tenta executar Eren e seus companheiros, mas é interrompido pela interferência do comandante Dot Pyxis.[4]

Um plano para Eren usar seus poderes de Titã para selar a brecha com uma pedra é formado, e Pyxis coloca Ian, Rico Brzenska e Mitabi Jarnach no comando do esquadrão de elite designado para proteger Eren em sua missão. Ian recebe o comando geral do time e, apesar de seus protestos, Rico e Mitabi concordam com a atribuição. Enquanto se preparam para partir, Ian adiciona Mikasa ao esquadrão de elite, acreditando que ela será útil.[5]

A operação estraga imediatamente, com Eren perdendo o controle de sua forma de Titã e atacando Mikasa antes de desmaiar. Conforme os Titãs começam a se aproximar, Rico e Mitabi aconselham Ian a abortar a missão e se retirar. No entanto, Ian ordena que eles tomem suas equipes e protejam Eren até que ele possa se recuperar. Rico tenta argumentar que soldados suficientes já morreram por causa de Eren, e Ian perde a paciência, exigindo que Rico diga a ele qualquer outra maneira de levar Trost de volta sem Eren. Rico não consegue dar uma resposta, e ela e Mitabi são forçados a seguir o plano de Ian.[6]

Ian saves

Ian salvando um de seus companheiros

À medida que os soldados lutam, eles são gradualmente oprimidos à medida que mais Titãs continuam a entrar em Trost. Como Ian está prestes a ordenar uma retirada, Eren finalmente acorda e começa a carregar a pedra para colocá-la na frente do portão de Trost. Ian ordena que sua equipe proteja Eren a qualquer custo, e ordena que Mikasa e Armin Arlert fiquem perto de Eren para defendê-lo. Ele então percebe que a equipe de Mitabi, sem edifícios para utilizar seu DMT, está se aproximando dos Titãs a pé para desviar sua atenção de Eren. Percebendo que não há outra maneira, Ian ordena que sua equipe faça o mesmo. Ian usa a si mesmo como isca para atrair Titãs para longe de Eren, e sacrifica sua vida para garantir o sucesso da missão. Ele morre após tirar um membro do esquadrão da boca de um Titã, sendo comido no lugar do soldado resgatado.[1]

Legado[]

Arco da 57ª Expedição para fora das Muralhas  []

Após a morte de Ian, Armin se lembra dele e de Pyxis por terem determinação suficiente para sacrificar o que é mais importante e abandonar sua humanidade para garantir o sucesso.[7]

Habilidades[]

Ele era um soldado altamente capaz, e suas habilidades de liderança eram confiáveis o suficiente para ganhar o comando da missão de Trost.

Curiosidades[]

Referências[]

Navegação[]

Advertisement