Attack on Titan Wiki

FandomDesktop

Com a chegada do FandomDesktop ontem, muitos de vocês que optaram por começar agora a usar ela, podem perceber que a wiki tá meio estranha, e realmente está, estou trabalhando para resolver isso, por isso, peço paciência. Obrigado.

Leia mais sobre a FandomDesktop aqui.

E a wiki terá uma drástica mudança de aparência, por isso não estou tão ativo como eu era antes, obrigado novamente pelo seu tempo!

LEIA MAIS

Attack on Titan Wiki
Advertisement
Attack on Titan Wiki
Eren protects Armin and Mikasa-60px Este artigo está incompleto.
Sinta-se à vontade para editar este artigo e adicionar informações ausentes e completá-las.

Este artigo é sobre o 65º episódio do anime Attack on Titan. Para outros usos desse nome, veja Titã Martelo de Guerra (Desambiguação).


Quote1 Não há dúvida de que Eldianos são descendentes do demônio. E não há dúvida de que também somos demônios. Quote2
— Theo Magath já que ele concorda com o plano desesperado de Willy Tybur

Titã Martelo de Guerra (戦槌の巨人 Sentsui no Kyojin?) é o 6º episódio da 4ª temporada e o 65º episódio geral do anime Attack on Titan produzido pelo estúdio MAPPA.

Resumo[]

Antes do festival em Liberio, Willy Tybur e Theo Magath estão cientes de que seus inimigos provavelmente atacarão o festival e fazem planos para tirar proveito disso. No presente, o Titã de Ataque de Eren Jaeger come Willy e começa a massacrar os participantes do festival. Lala Tybur se transforma no Titã Martelo de Guerra para enfrentá-lo, enquanto Pieck e Porco Galliard são resgatados testemunham o aparecimento da Divisão de Reconhecimento. O Titã Martelo de Guerra derrota Eren e pede suas últimas palavras, mas ele é salvo por Mikasa Ackerman, que desativa o Titã em um ataque surpresa.

Enquanto isso, o Comandante Magath ordena que o Exército de Marley convirjam sobre Liberio a fim de prender o inimigo. Enfurecido pelas mortes de Udo e Zophia, Gabi Braun segue em direção ao campo de batalha. Enquanto Mikasa ataca novamente o reanimado Titã Martelo de Guerra, Eren descobre o cristal de Lala Tybur controlando o Titã através de um cabo. Ele se transforma novamente e corta o cabo, mas é atacado pelo Titã Mandíbula antes que ele possa comê-lo. Eren é salvo por Levi Ackerman, e Galliard é rapidamente cercado por mais membros do Reconhecimento.

Sumário[]

Willy lays down a risky plan

Willy estabelece um plano arriscado

Antes de Willy sair para o festival, ele acalmou seus filhos e deu seu último adeus à esposa e filhos.

Algum tempo antes do festival, Willy Tybur discute com Theo Magath sobre a possibilidade de Willy ser atacado durante o evento. Willy explica que a família Tybur tem se esforçado para melhorar a posição social de Eldia ao redor do mundo, enquanto concentra sua atenção nos movimentos da Ilha Paradis, mas eles perceberam tarde demais que seus inimigos haviam cruzado o oceano e chegado a Liberio. Ele suspeita que existam conspiradores alinhados com a Ilha Paradis; embora suas identidades ainda sejam desconhecidas. Ele explica seu plano para usar a si mesmo e a sua liderança militar Marleyana como isca para atrair seus inimigos durante seu discurso no Distrito de Concentração. Magath está preocupado com a magnitude da isca e o número de vidas que serão perdidas se o plano for implementado, mas Willy responde que eles serão em sua maioria Eldianos e se Magath estiver preocupado, ele pode colocar os oficiais Marleyanos inúteis na zona de perigo em a fim de minimizar os danos para Marley. Willy questiona a súbita preocupação de Magath com a vida dos "descendentes dos demônios", visto que o comandante enviou incontáveis outros para a morte em batalha. Magath ainda hesita em arriscar um ativo tão importante como Willy, mas Willy ressalta que, se ele não for lá e falar, não haverá reunião de militares, jornalistas e embaixadores de vários países. Ele acrescenta que é importante que os Eldianos, incluindo ele próprio, assumam o papel de vítimas de um "ataque invisível" para ganhar a simpatia do resto do mundo. Com isso, eles apertam as mãos e concordam com o plano e com o fato de tanto Eldianos quanto Marleyanos serem demônios.

The Attack Titan stares at the crowd

O Titã de Ataque assola Marley

No presente, depois de matar Willy, Eren em sua forma de Titã de Ataque o come e começa a atacar tudo que está afrente do palco, enquanto a multidão foge em pânico, exceto por Calvi, que observa imóvel e é rapidamente morto. Colt se apressa juntamente de Gabi e Udo para se levantar e correr, mas eles se distraem ao ver o cadáver de Zophia esmagado sob um pedaço de entulho. Enquanto Colt agarra Gabi para tirá-la da zona de perigo, Udo tenta resgatar Zofia apesar da pressa de Colt, sem saber da debandada humana que se aproxima rapidamente atrás dele. Udo é então engolido pela debandada e pisoteado até a morte, para horror de seus amigos, que se refugiam atrás de uma pedra. Enquanto o Titã de Ataque continua a causar estragos, Lala Tybur observa a situação e agradece seu irmão por seu trabalho como chefe da família Tybur. Ela então se transforma no Titã Martelo de Guerra para lutar contra Eren; antes que ela possa atacar, no entanto, Eren dá o primeiro golpe, socando-a no rosto e derrubando-a. Observando de longe, o Comandante Magath é informado por seus homens que o Titã Martelo de Guerra corre o risco de ser derrotado, o General Calvi e o resto do comando militar são considerados mortos, e que os Guerreiros ainda estão desaparecidos. Seus homens pedem que ordene a evacuação dos VIPs. No entanto, Magath, em vez disso, dispara um rifle para sinalizar o contra-ataque de Marley e ordena que seus homens se preparem para a batalha.

Arquivo:The Massacre..png

Colt agarra Gabi, enquanto Udo é atropelado pela multidão

A luta entre os Titãs de Ataque e Martelo de Guerra continua, com o último usando seu poder para fazer uma grande estaca emergir do solo, empalando o Titã de Ataque através do abdômen e levantando-o vários metros acima do solo. Nas ruas distantes o suficiente da zona da batalha, Colt e Gabi param de correr, com o primeiro carregando o corpo gravemente ferido de Udo. Colt não tem certeza se Udo ainda está vivo ou não, mas diz que eles deveriam se apressar para o hospital de qualquer maneira, e lamenta não saber onde Falco está. Do poço em que estão presos, Pieck e Galliard sentem os estrondos causados pela batalha. Pieck deduz que Titãs provavelmente estão lutando e que esta é provavelmente a razão pela qual eles foram levados embora. Naquele momento, a Unidade Panzer vem em seu socorro, e Pieck revela que é porque ela decidiu tomar medidas ao perceber que o soldado que iria atraí-los para a armadilha que eles estava seguindo agia suspeitosamente. Os dois guerreiros são retirados da armadilha e informados por seus salvadores sobre a batalha entre o Martelo de Guerra e o Titã de Ataque. Pieck ordena que eles preparem a armadura para o Titã Carroceiro, e enquanto Galliard tenta se juntar à luta, Pieck o interrompe e pede que ele observe a situação um pouco mais. Eles ficam então chocados ao ver um grupo de pessoas avançando sobre eles com Dispositivos de Manobra Tridimensional Antipessoal.

The Fight of the Titans

A Luta dos Titãs

O Titã de Ataque se libera quebrando a ponta da estaca que o empalava, e mal evita um ataque do Titã Martelo de Guerra que tentou acertá-lo na cabeça com um martelo feito de uma substância de Titã. O Titã de Ataque então se prepara para atacar seu inimigo, mas é atingido pelos canhões dos soldados Marleyanos. Koslow está pronto para matar o Titã Fundador, mas Magath se recusa a matar o Titã Fundador, pois isso apenas atrasa o plano de Paradis de iniciar o Estrondo e não o interrompe completamente. Lala conseguiu usar seu martelo para atacar Eren, ignorando o punho endurecido e destruindo o Titã de Ataque. Enquanto Lala se preparava para executar Eren, ele chamou Mikasa e os soldados da Divisão de Reconhecimento para atacar o Titã Martelo de Guerra, destruir a artilharia e matar os soldados Marleyanos.

Arquivo:Mikasa attacks.png

Ataques de Mikasa

Escondido dentro de um edifício, o Comandante Theo Magath faz uma chamada para ordenar uma divisão inteira do Exército Marleyano e a frota no mar para se reunir no campo de batalha e selar o Distrito de Concentração, enfatizando que nenhum dos "demônios da ilha" Paradis deve ter permissão para escapar; e especialmente o titular do Titã Fundador, Eren Jaeger. Depois disso, ele reflete que o destino dos invasores está selado, uma vez que eles ganharam a ira de todas as grandes nações que perderam funcionários do governo durante o massacre, e que o mundo inteiro agora sabe da ameaça do Império Eldiano; tudo de acordo com o plano de Willy Tybur. No entanto, ele percebe que os inimigos provavelmente já estão cientes disso e, enquanto tenta descobrir o que eles estão planejando, uma bomba entra pela janela e explode perto dele. Conforme a sala é explodida pela Divisão de Reconhecimento, os soldados Marleyanos localizados nos telhados tentam atirar neles, mas o Reconhecimento retalia atirando neles com pistolas acopladas a seus Dispositivos de Manobra Tridimensional Antipessoal. Depois de atirar um soldado do telhado, Jean Kirschtein percebe que outro prédio foi explodido e vai repreender Flock e outros soldaddos que estão preparando mais explosivos , lembrando-os de reduzir ao mínimo as perdas de civis; mas Flock responde que todas as pessoas no Distrito de Concentração são inimigas, visto que mataram muito mais pessoas das Muralhas. Ele afirma que Eren é um exemplo do que eles precisam fazer. No topo do corpo decapitado do Titã de Ataque, Mikasa questiona Eren se ele tem uma ideia do que ele fez, já que matou civis, incluindo crianças, e não há como desfazer isso. No entanto, Eren não responde à pergunta e, em vez disso, aponta que o Titã Martelo de Guerra que ainda está vivo. Mikasa fica chocada ao ver o Titã se levantando, já que ela tem certeza de que destruiu sua nuca completamente, e o Titã Martelo de Guerra então dispara uma lança de sua substância endurecida contra eles. Mikasa rapidamente agarra Eren e foge do corpo do Titã de Ataque, mal evitando ser atingido. Eren surge com um plano para derrotar e comer o Titã Martelo de Guerra, e pede a Mikasa para distrair o inimigo o suficiente para que ele o faça.

Arquivo:Jean & Floch .png

Jean e Flock se contradizem

Do lado de fora de um hospital, Colt implora a um médico para dar uma olhada no corpo gravemente ferido de Udo, mas o médico se recusa, afirmando que suas camas estão ocupadas e Udo já está morto. Desanimado, Colt coloca o cadáver de Udo no chão e pede a Gabi para ficar com sua família e ficar o mais longe possível da praça enquanto ele vai procurar Falco, garantindo que os Guerreiros vão derrotar os invasores Titãs. No entanto, Gabi se recusa e diz que também irá lutar, pois não entende por que Udo e Zofia foram mortos. Ela então corre em direção à zona de batalha, enquanto Colt tenta em vão pará-la. Encontrando um comboio de reforços, Gabi pede permissão para entrar em um dos carros, mas os guardas do portão ordenam que ela vá para casa. Nesse momento, a área é atacada pela Divisão de Reconhecimento, que atinge os soldados com bombas e balas. Quando um dos guardas diz a Gabi para correr, ele também é morto por um atirador e Gabi vê seu assassino, Sasha Braus, no topo de um telhado próximo.

A vengeful Gabi

A Gabi vingativa

Conny Springer chega a Sasha e anuncia que eles terminaram de bloquear aquela rua, mas Sasha o lembra que ele se esqueceu de acender sua lâmpada. Connie então coloca uma lamparina no canto de um telhado e os dois vão em busca de seus companheiros. Assistindo-os fugir, Gabi agarra o rifle deixado por um dos guardas caídos.

Connie, Sasha e outros membros do Reconhecimento se juntam a Jean e Flock, relatando que cuidaram dos reforços inimigos, enquanto Jean diz que fizeram o mesmo com os inimigos daquela área. Sasha acrescenta que as luzes também estão no lugar, e Jean conclui que o plano está avançando por enquanto, contanto que eles possam desativar o Titã Martelo de Guerra a tempo; mas o que quer que aconteça depois disso é desconhecido e eles só descobrirão se sobreviverem à batalha.

Enquanto Mikasa luta contra o Titã Martelo de Guerra, Eren lembra que o corpo deste Titã se materializou de seus pés para cima ao invés de sua nuca, e deduz que seu corpo humano está localizado no subsolo, no ponto onde apareceu originalmente. Transformando-se novamente no Titã de Ataque, ele vê um buraco na rua de onde um longo cabo de carne sai, preso ao calcanhar esquerdo do Titã Martelo de Guerra. Eren coloca a mão no buraco e agarra o corpo cristalizado de Lala conectado à outra ponta do cabo, que está controlando o Titã de lá. Eren rompe a conexão e o corpo agora inanimado do Titã Martelo de Guerra cai no chão.

Informações Disponíveis ao Público[]

ACPAI65

Titã Martelo de Guerra[]

Titã sob a posse da família Tybur. Quem carrega os poderes do Titã é a irmã mais nova do Willy, Lala Tybur. Possui habilidades de endurecimento excepcionais e todo seu corpo é coberto por uma casca branca. Consegue criar qualquer arma que imaginar com o endurecimento, de uso variado. Desde um Martelo de Guerra, uma besta, ou até um chicote. Consegue criá-las na mesma escala de um Titã e usá-las em combate.

Personagens em ordem de aparição[]

Elenco[]

Japonês[]

Navegação[]

Advertisement